31/08/2018

EDITAL SEFAZ RS: 100 vagas para nível médio e superior com remuneração de até R$ 9,3 mil

Coordenação

A secretaria da Fazenda do Estado de Rio Grande do Sul, SEFAZ RS, divulgou nesta sexta-feira, 31 de agosto, o edital para o próximo certame que vai ofertar 100 vagas para Assistente Administrativo e Técnico da Receita Estadual. 

As inscrições serão realizadas no site da banca organizadora do certame, Cespe, a partir do dia 12 de setembro e vai até o dia 26 de setembro, as inscrições estão com os valores de investimento de R$82,35 para Assistente Administrativo. Já para o cargo de Técnico, será no dia 10 a 24 de setembro no valor de R$ 187,77.

A remuneração para esse certame será de  R$3.300 (Assistente Administrativo) e R$9.300 (Técnico).

Concurso 

O certame será realizado em etapa diferentes conforme cada cargo. Para Assistente Administrativo a seleção será feita em uma única etapa, composta por uma prova objetiva, que valerá 80 pontos, no dia 1° de dezembro.


Já para o cargo de Técnico os candidatos irão realizar duas provas objetivas, cada uma com 4 horas de duração, no dia 2 de dezembro, nos turnos da manhã e tarde. Nesta fase, o candidato pode somar até 160 pontos.



Notícia Anterior

Certame para Auditor: Banca contratada, Cespe será a organizadora desse certame

O novo certame para a SEFAZ RS ofertará 50 vagas no cargo de Auditor-Fiscal da Receita Estadual. Após a publicação da portaria da comissão responsável pelo Concurso Sefaz RS no Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul, e da autorização do governador José Ivo Sartori para a abertura do concurso, saiu a contratação do Cespe para a organizadora do certame. 


De acordo com informações a data provável do edital era dia 10 de agosto, o que faria com que as provas acontecessem 90 dias a partir do edital, em novembro, mas isso não aconteceu, agora estamos no aguardo dos próximos passos do certame.

A Secretaria afirma que a necessidade do certame é urgente, pois conforme o Secretário Adjunto da Fazenda, Luiz Antônio Bins, existe um número considerável de servidores estão com requisitos para se aposentarem em 2018, e isso agrava a situação em crise do Estado do Rio Grande do Sul.

O setor de gestão de pessoas informa que dos 663 auditores em atividade na Fazenda do Rio Grande do Sul, 123 atingem as condições para se aposentarem este ano.

Remuneração e concurso 

Atualmente a remuneração inicial para o cargo de Auditor-Fiscal é de R$ 21.501,62 a R$ 30.471,11. O certame também deve oferecer vagas para Técnico Tributário, que tem um inicial de R$ 9.397,23 a R$ 15.375,51 e para Assistente Administrativo Fazendário, que pode receber vencimentos de R$ 1.247,56.

A última seleção para o cargo de Auditor-Fiscal aconteceu em 2014 e teve a  Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciência (Fundatec) como organizadora, além de ofertar 100 vagas para o cargo, que exigiu do candidato nível superior nos seguintes cursos: 

  • Ciências Jurídicas e Sociais;
  • Ciências Econômicas;
  • Ciências Contábeis;
  • Administração;
  • Engenharia;
  • Tecnologia da Informação.

Os candidatos precisaram realizar provas objetivas com 260 questões de caráter eliminatório e classificatório, que foram organizadas em blocos:

Bloco I

  • Língua Portuguesa
  • Matemática e Raciocínio Lógico
  • Direito Empresarial
  • Direito Penal
  • Direito Civil
  • Tecnologia da Informação

Bloco II

  • Direito Tributário
  • Direito Administrativo
  • Direito Constitucional
  • Contabilidade

Bloco III

  • Legislação Tributária do RS
  • Auditoria Contábil e Fiscal

Para o primeiro bloco foi destinado 5h e para os blocos II e III 4h. 

Veja aqui o EDITAL





COMPARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO