19/07/2019

Concurso da PRF corre risco de suspensão

Coordenação

concurso da prf suspenso

O Ministério Público Federal encontrou irregularidades nos critérios de convocação da reserva de vagas aos candidatos negros no último concurso realizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e, por isso, o concurso pode ser suspenso. A fase de heteroidentificação está marcada para a próxima segunda-feira (21) e a medida tem caráter de urgência.

Detalhadamente, o percentual chamado para a etapa foi inferior ao determinado no edital, já que devido a nova chamada e consequente aumento de vagas, a reserva de cotas seguiria a proporção, o que não ocorreu. Esse fato, pode fazer com que falte candidatos para preencher as vagas por não ter sido convocados para o exame de heteroidentificação.

No início de junho, a direção da PRF encaminhou pedido de novo concurso ao Ministério da Economia devido a carência de pessoal na corporação que se aproxima de 8 mil policiais. O efetivo em 2018 era de 10.029, onde o ideal seria 18.424. Dessa maneira, a intenção do órgão é pedir avaliação da necessidade de realizar seletivas anualmente com o intuito de reforçar o quadro da instituição. Ainda não há uma previsão para a autorização do certame, mas a grande carência pode acelerar a decisão.

COMPARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO