15/08/2018

Como começar a estudar para concursos? Veja alguns passos importantes!

Coordenação



Se você está entrando no universo dos concursos agora, com certeza possui muitas dúvidas de por onde e como começar a estudar para concursos. Isto é muito natural, pois você dará início a uma nova rotina de vida, na qual a organização e a disciplina precisam estar ordenadas com toda a força motivacional que você possui.


Como posso me organizar?


Você deve estar se perguntando: quantas horas devo dedicar aos meus estudos? Por onde eu devo começar? Quais erros são comuns para quem está começando a estudar para concursos? Quais são as melhores estratégias?


Na realidade, todos esses questionamentos devem se integrar à realidade de vida de cada um, em uma organização harmônica e eficiente. Uma vez que cada pessoa possui uma realidade cercada de afazeres diferenciados, como estudo, trabalhos formais ou informais, atividades físicas, e sua vida pessoal e familiar, é natural e saudável que seu novo compromisso se integre ao resto da rotina, dando prioridade se necessário, mas de modo que as outras tarefas não sejam prejudicadas.


Começar a estudar para concursos é pensar que essa é a nova meta principal, a curto e médio prazo em sua vida, e por isso, mesmo na dinâmica de manutenção dos afazeres de sua vida e inserção de sua nova rotina, algumas coisas terão que ter seu tempo consideravelmente reduzido, ou se necessário, terão de ser temporariamente excluídas da sua lista de compromissos cotidianos.


Priorizar os seus estudos com qualidade, significa destinar uma maior quantidade de tempo do seu dia para esse objetivo, e reservar para si momentos de higiene mental, no intuito de lidar com a saturação de informação a qual o seu cérebro será submetido.


6 erros comuns para evitar antes de começar a estudar para concursos


É fundamental ter em vista algumas informações práticas antes de começar a estudar para concursos, para eliminar erros que são bastante comuns a quem inicia a vida de concurseiro. Observe esta lista que iremos dispor agora, e tenha anotado esses tópicos para que complicações que você poderia ter no início sejam eliminadas antes do ponto de partida.

1.Não ler o edital com calma e paciência

Esse é um erro que pode ser fatal, e até lhe causar uma eliminação em um concurso público. É preciso conhecer as regras, assuntos, e prazos do certame. Por isso, leia com bastante calma, anote as exigências, esteja preparado para os dias antes da avaliação. Antecipar-se significa ter tempo para esfriar a cabeça antes do grande dia.


2. Escolher um concurso por sua baixa concorrência

Normalmente quem se decide por uma carreira pública, visa ter uma vida de estabilidade financeira e segurança profissional. Porém, escolher uma carreira pública é uma decisão por uma profissão, por isso, por maior que seja a sua praticidade, não selecione um curso visando apenas o nível de dificuldade para se entrar no mesmo, pense também no que te realizaria profissionalmente.  

3. Observar apenas o número de vagas disponíveis e a remuneração

Este tópico corrobora diretamente com o anterior, porém sob a perspectiva também de que um maior número de vagas pode facilitar o acesso ao emprego público. Não se engane, e nem se deixe influenciar por esse tipo de informação. Esteja preparado para o conteúdo que será abordado em sua avaliação, e tenha confiança em seu esforço e dedicação.


4. Ignorar o estudo em grupo

Existe uma variedade de vantagens sobre o estudo em grupo, e a principal delas é a troca de informações, perspectivas, e abordagens entre os membros do grupo. Considerar que seu colega de grupo é também o seu concorrente, e poder ter acesso à forma com que ele raciocina é uma vantagem, e deve ser usada numa dinâmica de lealdade, motivação e colaboração.


5. Iniciar os estudos apenas após a publicação do edital

Se faz necessário estar pronto com muita antecedência. Quem já está inserido na dinâmica da vida de concurseiro, sabe bem que quem começa a estudar para concursos com antecedência maior, estará mais preparado que os demais, tanto em relação ao conteúdo, como em relação ao posicionamento de estratégias para o momento da avaliação.


6. Não refletir se está apto para a carreira

Salientamos novamente, o quanto é importante escolher um concurso tendo em vista não só a realização profissional, mas se suas habilidades e inteligências possuem afinidades com a carreira que se deseja seguir. Não ter um bom desenvolvimento profissional na área de atuação, é autodestruição, tanto na dimensão humana, em relação a satisfação pessoal, quanto na dimensão profissional.


Como me manter motivado?


Além desses erros bastante recorrentes entre os concurseiros iniciantes, é importante perceber o quanto a parte emocional pode influenciar positivamente ou negativamente na conquista dos seus objetivos, e no bom desenvolvimento de sua rotina de estudo.


Organizar metas a longo prazo, construindo para si um horizonte a ser alcançado, é importantíssimo, desde que mesma não atrapalhe o seu foco em relação às metas a curto e médio prazo. As metas mais próximas nos ajudam a nos manter produtivos, e a todo o momento estarmos avançando no acúmulo de conhecimento, e na assimilação das estratégias de performance das avaliações de concurso.

Conclusão

Nesse artigo tratamos de forma breve, sobre erros comuns aos concurseiros iniciantes, e demos algumas dicas de como otimizar o seu cotidiano, e integrá-lo de forma prática e harmônica a sua rotina de vida, analisando também, e propondo didáticas de como o novo concurseiro pode aliar sua nova rotina às atividades principais de sua vida.


Começar uma vida de concurseiro significa iniciar um empreendimento para construção de uma carreira profissional. Seja organizado e tenha em mente seus objetivos acima de satisfações momentâneas, e esteja pronto para abdicar de atividades prazerosas, se as mesmas não contribuem para o bom rendimento desta etapa em sua vida.

Com estas considerações nós esperamos que tenhamos te auxiliado nesta nova etapa, e colaborado para o seu desenvolvimento como pessoa e como profissional, através deste artigo.


Quer mais dicas de como começar a estudar para concursos? Baixe o guia do concurseiro iniciante e descubra!


COMPARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO