30/07/2019

CFC sem Drama: Dia 30 estreia curso focado no Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade

Coordenação

Gratuitas, online e ao vivo, as aulas serão nas terças-feiras, às 18h, no canal do Portal Silvio Sande no YouTube


CFC sem Drama

Acompanhando que a cada edição do Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) o grau de dificuldade tem aumentado, o Portal Silvio Sande inicia, a partir do dia 30 julho, toda terça-feira, o curso online CFC sem Drama, um preparatório de Contabilidade completo para a temida prova. São aulas ao vivo no canal do Youtube Silvio Sande na Telinha, gratuitas e dinâmicas que visam proporcionar ao estudante uma experiência interativa na qual poderão sanar dúvidas imediatamente.

Para quem está no último ano do curso de Ciências Contábeis ou concluiu o bacharelado, o Exame, requisito para obtenção do registro profissional, é o passo seguinte para exercer a profissão regularmente.

Anualmente são realizadas duas provas, a próxima está prevista para 27 de outubro, destinadas a habilitar os profissionais que acertarem 25 de um total de 50 questões na avaliação. No entanto, 62,51% dos candidatos obtiveram nota insuficiente no segundo exame realizado no ano passado, de acordo com relatório estatístico emitido pelo Conselho.

Portanto, recursos para impulsionar a preparação desses futuros profissionais, aliado ao conhecimento adquirido na academia, servem de instrumento de reversão do quadro acima, afim de proporcionar ao profissional da contabilidade a superação dessa etapa e conquista do CRC.

Observando às exigências da banca organizadora, a Consulplan e as matérias que constam no edital, Contabilidade tem sido considerada peso para o exame por consumir cerca de 30% das questões nas últimas edições. Motivo pelo qual o ponto do CFC sem Drama é aprofundar o conhecimento, aliada à prática da matéria de acordo com as exigências da prova.

Quem vai capitanear o curso será o professor, Silvio Sande, coordenador do Portal Silvio Sande, graduado em Ciências Contábeis pela Universidade Visconde de Cairu. Além disso, o professor contabiliza experiências adquiridas em aprovações de concursos públicos há mais 20 anos, como por exemplo, a conquista dos cargos de Técnico de Finanças e Controle em 1992, Analista Tributário da Receita Federal do Brasil no ano de 1994 e Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil em 2000 e 2001.

COMPARTILHE ESTA PUBLICAÇÃO